terça-feira, março 23, 2010

Alentejo europeu

O Alentejo é hoje um território com potencial imenso. O Turismo cresce muito bem. A Barragem de Alqueva cheia de água a contrariar os velhos do restelo para quem a Barragem nunca encheria, tem capacidade hidro-eléctrica com potencial incrível, as condutas para a rega estão avançadas. A estação de TGV em Évora vai brevemente ser uma realidade. O Aeroporto de Alcochete vai localizar-se pertinho de Vendas Novas. Sines é um pólo incrível de desenvolvimento. Em termos de investimento público vemos uma série de apostas estratégicas que a médio-longo prazo vão certamente ter resultados positivos para esta região.

Portalegre, Évora e Beja têm apenas representação parlamentar de 8 deputados num universo de 230 deputados! É curto, politicamente tem uma representação fraca, apesar de ser um território imenso com 27.324 km2 de área total.

No meu ponto de vista, a aposta política mais importante no futuro será manter as pessoas nas suas terras, existir regionalmente marketing territorial no sentido de trazer mais população para se fixar no interior através de incentivos reais. É necessário mais investimento público na educação e saúde, medidas positivas de apoio e atracção de investimento empresarial, batalhar por aumentar os padrões de qualidade de vida para os munícipes.
(...)

polvorosa