quarta-feira, dezembro 01, 2010

A Injustiça da GrounForce - Faro

(...)

O aeroporto de Faro é hoje, a par do de Lisboa, o mais rentável do País (incluindo os das ilhas). Porque dará Groundforce prejuízo? Então e nas ilhas não há prejuízo (p.e no Porto Santo o aeroporto local tem 6 ou 7 voos diá-rios). E no Porto?

O Algarve é mais uma vez a vítima escolhida, porquê?

Porque é uma região com pouco poder de lobby nacional. Mais uma vez, penso na falta que nos faz a regionalização para defenderemos a nossa região destas situações. Se existisse um poder regional, legitimado popularmente, acredito que as coisas seriam bem diferentes. Vejam lá se eles se metem (para já) com a Madeira ou mesmo com o Porto (que tem um lobby poderoso, em Lisboa)?

(...)

Paulo Gordinho, Jornal do Algarve, 18/10/2010

Etiquetas:

2 Opiniões

At quarta dez 01, 04:24:00 da tarde, Anonymous Anónimo said...

INFORME-SE DO QUE CÁ SE PASSAVA COM ESSES PARASITAS...
SE NÃO SABE NÃO SE PRONUNCIE....
E, HÁ MAIS A LIMPAR.

ATENTO

 
At quarta dez 01, 05:20:00 da tarde, Blogger Antonio Almeida Felizes said...

Caro Anónimo,

Apesar de não conhecer em pormenor esta situação, duma coisa tenho a certeza, aos trabalhadores é que não podem ser imputadas responsabilidades neste processo.
Neste pressuposto, apelidá-los de 'parasitas' não me parece o mais justo.

Cumprimentos,

 

Enviar um comentário

<< Home