quarta-feira, março 23, 2011

Trás-os-Montes: Marcha exige auto-estrada Zamora-Quintanilha

Município de Bragança e Diputación de Zamora organizam acção reivindicativa

No próximo domingo, dia 27 de Março, tem lugar a Marcha Luso-Espanhola reivindicativa da construção da Auto-estrada entre Zamora – Quintanilha.

Ao realizar esta iniciativa, o Município de Bragança, em conjunto com a Diputación de Zamora, visa alertar e sensibilizar as autoridades espanholas para a importância da construção da A-11 Zamora-Quintanilha, dando continuidade à Auto-Estrada Transmontana, que se configura como uma via estruturante para a ligação do Norte de Portugal ao Centro e Norte da Europa e um instrumento importante para o desenvolvimento deste Município e de toda a região fronteiriça.

Da parte de Espanha, farão parte cerca de 300 pessoas, compreendendo Alcaldes da região, entidades e associações sociais, culturais, desportivas e sociedade civil.

A fim de que o número de participantes do concelho de Bragança na iniciativa seja significativo e alcance o objectivo proposto, a Câmara Municipal de Bragança apela à participação de cidadãos.

Face à extensão e ao tempo do percurso, que apresenta alguma exigência física, dá-se nota da necessidade de usar calçado e vestuário adequado e, quem tiver, colete reflector, para além de levar uma peça de fruta ou sandes para retemperar as energias.

Mais informações através do Gabinete de Apoio do Município, pelos telefones 273 304216/273 304217/273 304279.

Programa:
09:40 horas - Concentração Parque de Estacionamento da Câmara Municipal de Bragança (ou, para quem utilize meio de transporte próprio, pelas 10:10 horas, no Largo N.ª Sra. Das Dores, em Rio Frio), para o início da marcha com entrada na EN 218, continuação pela EN 218-1;
12:40 horas - Encontro dos dois grupos e concentração no tabuleiro da antiga ponte internacional do Rio Maçãs, em Quintanilha, seguido de leitura de Manifesto;
13:00 horas - Regresso em autocarro.

|Jornal Nordeste|
.

Etiquetas: ,