sábado, outubro 01, 2011

Reforma da Administração Local: Leiria

A reforma da divisão administrativa local: um ponto de vista sobre a realidade de partida do distrito de Leiria

P - Olhando para o mapa do distrito, que alterações poderiam ser feitas à actual divisão administrativa?

R – Como nota prévia, cumpre que diga que o Distrito é uma realidade político-administrativa sem substância, hoje em dia. Na perspectiva de aproximar as pessoas das instâncias em que se exerce o poder e de ganhar eficiência na gestão dos recursos e na prestação de serviços, a reforma da administração local a efectivar tem que ter/ganhar escala e não optar pela criação de macro-unidades administrativas, mantendo presente a necessidade de identificação entre as unidades a criar/manter e as populações.

Olhando para o actual Distrito de Leiria, percebe-se que há espaço para a supressão e fusão de muitas freguesias e, mesmo, de alguns municípios. Chamam particularmente a atenção os municípios do interior-norte, vazios de gente e acumulando um território escasso, assim como a reduzida dimensão geográfica da Batalha, da Nazaré, de Bombarral, de Peniche, sendo certo que, para além de Leiria, nenhum dos demais municípios do Distrito tem uma dimensão humana relevante, que potencie a sediação de serviços e equipamentos e lhe confira capacidade de ser um centro relevante na organização do território nacional.

|J. Cadima Ribeiro|
.

Etiquetas: