quinta-feira, novembro 01, 2012

Porto vai ser protótipo de cidade do futuro

Cidade 'Invicta' vai beneficiar de um projeto com financiamento europeu de 1,6 milhões de euros a ser implementado pelo Centro de Competências em Cidades do Futuro da Universidade do Porto no prazo de três anos.
O "velho casario" da cidade do Porto, imortalizado por Rui Veloso, pode vir agora a conhecer uma nova realidade que melhore a qualidade de vida sem diminuir o carácter da 'Invicta'. O Centro de Competências em Cidades do Futuro da Universidade do Porto anunciou, em comunicado, que recebeu financiamento europeu no valor de 1,6 milhões de euros para transformar o Porto numa "Smart City" (cidade inteligente) em três anos.
Segundo a comunicação do Centro, a ideia passa por transformar a cidade num protótipo do que mais avançado se faz no âmbito do movimento das "cidades do futuro". De sensores automáticos avançados para controlar o tráfego, até ao recolher de dados móveis e de informação em larga escala para definir o objetivo é tornar o Porto num exemplo em Portugal e na Europa.  Pretende-se igualmente explorar as ligações entre telecomunicações, transportes, psicologia, urbanismo, engenharia biomédica, redes sociais ou informática, no sentido de aumentar decisivamente a qualidade de serviços para os cidadãos. 

Etiquetas: