sexta-feira, junho 28, 2013

Assimetrias Regionais em Portugal - municípios

As Assimetrias Regionais em Portugal: análise da convergência versus divergência ao nível dos municípios

Há muito que a literatura empírica sublinha a realidade socioeconómica assimétrica que Portugal apresenta, contrastando sobretudo litoral e interior, mas também “Norte” e “Sul”. A presente comunicação analisa a evolução das assimetrias ao nível dos municípios do país.

Na análise da convergência a que se procedeu usou-se como proxy do nível de bem-estar ou de desenvolvimento dos municípios o Indicador per capita de Poder de Compra (IpcPC) no período 1995-2009. A técnica de análise utilizada foi do tipo seccional, recorrendo ao método de estimação dos mínimos quadrados ordinários.

Testa-se quer a convergência sigma (σ), que se manifesta através na diminuição da dispersão do rendimento entre as diferentes regiões ao longo do tempo, quer a convergência beta (β), em que se avalia a existência de uma correlação negativa entre o ritmo de crescimento de uma região e o seu estado de desenvolvimento inicial.

Os resultados alcançados sugerem que:

i) persistem divergências de desenvolvimento acentuadas entre os vários municípios portugueses;

ii) no período em análise, se verificou convergência, quer absoluta, quer condicionada, entre os municípios;

iii) é na convergência condicionada que se obtêm os resultados mais robustos.

José Ferreira Silva
J. Cadima Ribeiro

Etiquetas: