Também algum humor ...

NOVAS REGIÕES DE PORTUGAL

Até que enfim, um passo decisivo no processo das novas regiões.
Segundo corre na internet, eis que o nosso caríssimo ministro Mário Lino, colega de Manuel Pinho (O Fitipaldi do Governo- 212 kms/h na AE 1....), acabou de definir as regiões de Portugal da seguinte forma:
Região 1- Capital Lisboa/OTA é Portugal
Região 2- Deserto
Região 3- O resto é paisagem!
E assim se contribuiu para a resolução de um processo tão discutido e que não tinha fim á vista, a regionalização!!

Publicado no "
Aromas de Portugal"

Comentários

trigalfa disse…
A OTA será para o Norte:
1 - melhor porque fica mais perto e mais acessível.
2 - pior porque fica mais próximo e vai prejudicar o Aeroporto do Porto.

Entendo para já que na perspectiva do Norte a melhor solução é a Ota.
O seu pior handicap é o TGV não ser em T, caso em que desembocaria na zona da Ota vindo de Madrid. Assim conquistaria mais transeuntes oriundos de Madrid e não passaria no "deserto" alentejano.
E o Norte Atlantico teria melhor ligação a Madrid, porque o TGV Aveiro-Salamanca eu não acredito.

São problemas correlativos mas a primeira questão é que eu gostava de cer respondida.
Calécia disse…
Não me parece que a solução Ota seja a melhor para o Norte. A construção do aeroporto nessa zona vai fazer com que o aeroporto do Porto perca influência. A nível económico não será a melhor nem para o Porto nem para o país porque é de longe uma opção escandalosamente cara. E são menos os investimentos que serão feitos por contenção de custos.

Ainda ao nível da influência do aeroporto do Porto relembro que a TAP quase que comprometeu a viabilidade deste há uns anos, com a eliminação de rotas directas enrte Porto e Frankfurt - principal ponte europeia para o resto do mundo - e entre o Porto e Madrid e Barcelona. Hoje em dia é mais barato apanhar o avião em Vigo para viajar para Barcelona e é o que muitos de nós optamos por fazer. E estamos a contribuir, dessa forma, para o alargamento da influência deste aeroporto, em detrimento do aeroporto do Porto.

Mas o ideal mesmo seria não estar a discutir se o aeroporto da Ota seria a melhor solução par o Porto. Seria sinal que a opção feita seria do interesse de todos. Coisa que não é!

O ideal seria arranjar uma solução que fosse adequada aos interesses da cidade de Lisboa e que tivesse em conta e garantisse a viabilidade de outras infraestruturas já existentes. O ideal seria também apostar no aeroporto do Porto no pólo do Noroeste Peninsular, porque facilmente o seria se fossem criadas as condições mínimas para tal. Mas as preferências não vão de encontro às necessidades reais mas sim às necessidades faraónicas de alguns iluminados.
Vitinho disse…
lol o pais em que vivemos é ridiculo

fica-me mais barato ir a Vigo apanhar um aviao para Faro, do que ir de carro pagando portagens e gasolina.

É este o ridiculo país que temos.
Depois ainda se preocupam que a regionalizaçao pode fazer com que Portugal fique Espanhol e perca a sua soberania. Acho piada.
No meu caso e em muitos outros, compensa ir a Espanha, usar serviços Espanhois, do que andar a gastar por este Portugal cada vez mais dependente de Espanha e cada vez pior economicamente.

Ah e sou de Sta Maria da Feira. Portanto vejam lá, compensa andar uns bons kms de carro, passar o Douro e apanhar aviao de Vigo para Faro, do que andar a descer pela auto-estrada.

Sem dúvida o nosso país é muito, mas muito grande para a inteligencia dos portugueses. Nós não temos inteligencia para administrar um territorio tao grande, ta mais que visto e comprovado.
al cardoso disse…
A minha regiao esta no "Centro" da paisagem!!! Ja nao e muito mau!