quinta-feira, março 31, 2011

NORTE CONJUNTURA - 4.º Trimestre 2010

  • No 4º trimestre de 2010, o PIB português cresceu 1,2% em volume, em termos homólogos (em ligeira desaceleração face ao trimestre anterior), sendo impulsionado sobretudo pela procura externa líquida.
  • As exportações da Região do Norte terão aumentado, em valor, cerca de 14,5%, em termos homólogos, no 4º trimestre, com o sector eléctrico mais uma vez a dar o principal contributo para este aumento.
  • Impulsionada pelas exportações, a indústria do Norte atravessa um período de crescimento. A compra de inputs destinados à indústria foi a principal causa do crescimento das importações da Região do Norte no 4º trimestre.
  • O emprego no sector transformador cresceu, em termos homólogos, 4,1%, ao fim de mais de três anos com tendência negativa.
  • O emprego total, porém, mantém-se em queda na Região do Norte (-1,1%, em termos homólogos). A taxa de desemprego foi de 12,7% (meio ponto percentual abaixo do trimestre anterior, mas oito décimas acima do período homólogo de 2009).
  • De entre os sectores tradicionais, merece destaque o calçado, que no 4º trimestre assegurou crescimentos homólogos muito expressivos das exportações a partir do Norte (17,2%) e dos índices de produção (9,1%), de volume de negócios (15,7%) e mesmo de emprego (2,5%).
  • Durante o 4º trimestre de 2010, cresceu em 13,6% o volume de investimento associado aos projectos já aprovados no âmbito do Programa Operacional Regional do Norte (ON.2 - “O Novo Norte”).

|Norte Conjuntura|
.

Etiquetas: