terça-feira, março 29, 2011

PORTO: Palácio das Cardosas abre as portas como hotel de luxo a 15 de Junho

O Palácio já não é das Cardosas, mas sim propriedade da Solitaire Hotels, que o cedeu por 20 anos ao Intercontinental Hotels Group. O nome, a par da fachada, mantém-se e o primeiro hotel de luxo em pleno centro histórico do Porto, também o primeiro da marca em Portugal, tem abertura marcada para 15 de Junho. Uma noite pode custar 500 euros.

Para não se perder o fio à meada, convém explicar que o antigo Mosteiro dos Lóios passou a designar-se Palácio das Cardosas quando Manuel Cardoso dos Santos, burguês abastado com fortuna feita no Brasil, morreu e o deixou de herança à mulher e três filhas (as Cardosas).

Hoje, é um hotel de luxo em fase de conclusão de obras e será gerido por uma espanhola, Pilar Monzon, que aceitou abandonar Madrid para vender o Porto como destino turístico de excelência.

O Intercontinental Porto – Palácio das Cardosas tem 105 quartos com preços desde 195 a 260 euros e suites a 500 euros. Mas também há para outros valores,que podem ultrapassar os mil euros. E já está a aceitar reservas a partir do dia 1 de Agosto. Abre a 15 de Junho, mas até Agosto é para “funcionar calmamente”.

Para o grupo Intercontinental, trata-se de um investimento de 30 milhões de euros e da criação de 75 postos de trabalho directos. No primeiro ano de actividade, a facturação prevista é de seis milhões de euros.

O RENASCIMENTO DO CAFÉ ASTÓRIA

Com o renascimento do Palácio das Cardosas resurgirá o emblemático Café Astória, precisamente no lugar original, com acesso directo da rua (frente à Estação de S. Bento).

O factor Património Mundial foi respeitado deste o início do processo, tendo, inclusive, provocado um atraso de dois anos. É que a abertura do hotel estava inicialmente prevista para 2009. Se bem que este é o primeiro Intercontinental na Europa desde há seis anos, segue-se Londres, no final do ano.

A directora-geral do hotel, Pilar Monzon tem boas perspectivas quanto ao Porto, “um destino turístico emergente com muito potencial a desenvolver. “O Porto é uma aposta certa”, frisa. E lembra que a marca tem um programa de fidelização com 42 milhões de viajantes.

PÓLO DE ATRACÇÃO NA BAIXA

O hotel de luxo enquadra-se num projecto mais amplo, o da requalificação do Quarteirão das Cardosas, que está a cargo da construtora Lucios. Além da reabilitação de 19 edifícios para habitação (da Porto Vivo - Sociedade de Reabilitação Urbana do Porto), o projecto engloba um parque de estacionamento
subterrâneo (33o lugares) e zona comercial (três mil metros quadrados).

Um dos elementos mais atractivos será a praça interior com aberturas que convidam a entrar, visto que comportará, também, um anfiteatro. Esta será a primeira praça aberta na cidade do Porto.
.

ISABEL CRISTINA COSTA
isabel.costa@grandeportoonline.com

Etiquetas:

1 Opiniões

At sexta abr 01, 09:37:00 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Bem bom; o Porto merece e quem gosta do Porto também. Areabertura do Astória fez-me de repente recuar 55 anos, e saborear a saudade - eu sou dos que gostam de saborear saudades!
gu

 

Enviar um comentário

<< Home