sexta-feira, julho 15, 2011

CENSOS 2011: BRAGA É O CONCELHO QUE GANHOU MAIS POPULAÇÃO

De acordo com os dados relativos aos censos de 2011, ontem revelados, o concelho de Braga é o que mais população ganhou em relação aos censos de 2001. Para o presidente da Associação Comercial de Braga (ACB), Domingos Barbosa, este aumento populacional pode ser explicado pela «aposta clara dos agentes económicos, políticos e sociais no desenvolvimento de infra-estruturas e serviços».

Para Domingos Barbosa o momento de «decréscimo de natalidade que o país atravessa, e Braga não é excepção, podia originar resultados opostos » mas estes dados «provam » que «Braga é um concelho atraente para viver».

O responsável da ACB afirmou que o concelho de Braga tem «um conjunto de infra- estruturas» que funcionam como «pólos de atracção », como a Universidade do Minho (UM).

«Não tenho dúvidas que a UM tenha tido influência no crescimento populacional de Braga», adiantou. «Aliado a isso (há) todo um conjunto de empresas inovadoras e serviços sócias que funcionam bem», acrescentou.

Confrontado com o decréscimo de alguns dos concelhos «vizinhos», da zona do Cávado, como Barcelos e Terras do Bouro, Domingos Barbosa adiantou como «possível explicação» um «facto histórico».

«Em tempo de crise é regra que a população das zonas mais rurais ou mais pequenas vejam nas grandes cidades uma possibilidade de vida. Isso tem acontecido ao longo dos tempos», explicou. O presidente da ACB apontou ainda a «consolidação de infra-estruturas, como o novo Hospital de Braga, e as excelentes vias de acesso» como «factores» a ter em conta na análise ao crescimento populacional do concelho bracarense.

Sobre as «oportunidades e vantagens» que este aumento populacional representa, Domingos Barbosa referiu o comércio e o «espicaçar » da economia como beneficiários. «Se aumenta a população, as transacções comerciais, em princípio também aumentam. Logo isso beneficia o comércio local o que se reflectirá, em princípio, num estímulo para a economia local», referiu.

Além do aumento da população residente, os censos mostram que de 2001, data dos últimos dados, até 2011, houve um acréscimo de 20,41 por cento no que toca ao alojamento em Braga. «Nos primeiros anos da década houve um certo “boom” de construção que diminuiu muito nos últimos anos. Esse acréscimo ter-se-á dado nessa altura e não agora», concluiu.

Braga aumentou, desde os censos de 2001, 10,74 por cento no que concerne à população residente e 26,51 por cento no número de famílias. Já quanto ao número de edifícios, o aumento foi de 19,12 por cento.

Segundo os dados preliminares dos Censos 2011, Vieira do Minho conta com 12.858 habitantes, menos 1.866 do que há 10 anos. «O concelho vive um momento de forte emigração, pelo que estou convencido de que se os Censos fossem feitos em Agosto ou Dezembro, meses em que os emigrantes normalmente regressam à terra, os números seriam bem diferentes», disse, à Lusa, Jorge Dantas.

O autarca acrescentou que outro dado que pode explicar o decréscimo de habitantes é o facto de os jovens que vão estudar para universidades de outros concelhos, como Braga e Porto, «acabarem por não regressar». «Encontram lá oportunidades de emprego e ficam», referiu.

O presidente da Câmara de Terras de Bouro, Joaquim Cracel, justificou ontem a diminuição da população do concelho nos últimos 10 anos com o facto de ser «proibido construir em 95 por cento» do território. Segundo os resultados preliminares dos Censos 2011, Terras de Bouro conta com 7.282 habitantes, menos 1.068 do que há 10 anos.

«É a factura que pagamos por ser proibido construir em 95 por cento do território, por ser reserva ecológica, reserva agrícola ou Rede Natura», disse, à Lusa, Joaquim Cracel (PS), lembrando que Terras do Bouro integra o Parque Nacional da Peneda- Gerês. A impossibilidade de construção leva a que muitas pessoas «fujam para outros concelhos », nomeadamente Vila Verde e Amares.»

[Lusa/Diário do Minho]
.

Etiquetas: ,

1 Opiniões

At sábado jul 16, 05:23:00 da tarde, Blogger manuel amaro said...

Ainda bem que a população do concelho de Braga aumentou.
Porque, o Distrito de Braga tem menos população que o Distrito de Setúbal e elege mais dois Deputados.
É o país que temos e se não fosse proibido falar da herança, muito havia para dizer...

 

Enviar um comentário

<< Home