quarta-feira, dezembro 19, 2012

Catalunha força independência

Só uma "bomba atómica" impedirá referendo em 2014.

O partido CiU, do presidente do governo regional catalão, e o partido independentista ERC chegaram ontem a acordo para a convocação de um referendo sobre a autonomia da Catalunha em 2014, anunciaram as duas forças.

"Chegámos a acordo para convocar o referendo em 2014", declarou o responsável para a imprensa do Esquerda Republicana da Catalunha (ERC).

Quanto ao Convergência e União, um porta-voz confirmou que "existe um acordo" para que a consulta se realize nesse ano, mas "ainda não há uma data precisa".

Ambos os partidos admitiram no texto do acordo que o referendo poderá ser adiado no caso de razões "de força maior" o determinarem, referiu a fonte, acrescentando, no entanto, que "o único motivo que poderia atrasar o referendo seria uma bomba atómica".

Os nacionalistas de direita do CiU e os independentistas de esquerda da ERC partiram para as negociações do referendo depois das eleições regionais de 25 de novembro, ganhas pelo CiU, mas sem maioria, e de uma subida da ERC, que se tornou a segunda força política da Catalunha.

@DN

Etiquetas: